Chuvas Orográficas ou de montanha. Provocadas pela presença de relevo no caminho do vento.

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Chuvas orográficas ou chuvas de montanha ou ainda chuvas de relevo, são aquelas causadas pelo choque do ar úmido dos oceanos com uma área montanhosa. Elas ocorrem nas montanhas e nas serras, principalmente próximas ao litoral.


Chuvas de montanha ou orográficas ou de relevo.
by Roberto M.
Sabemos que devido ao ciclo hidrológico, a água está em constante movimento na natureza.
Uma dos modos de acontecer essa movimentação é a evaporação seguida de precipitação. A água, sob a forma de vapor ou de gotículas está sempre presente na atmosfera e, ao se resfriar, retorna ao solo de várias maneiras: orvalho, geada, neve, granizo e chuva.

A chuva, também conhecida como precipitação pluvial, é a mais comum e abundante das precipitações atmosféricas. Existem vários tipos de chuva sendo que os principais são: as chuvas convectivas (ou de convecção), as chuvas de montanha (ou orográficas, ou de relevo) e as chuvas frontais (ou de frente, ou ciclônicas).
Hoje vamos falar de um dos tipos de chuva: as chuvas orográficas, também conhecidas como chuvas de montanha ou chuvas de relevo.

CHUVAS OROGRÁFICAS OU DE MONTANHA.

A chuva de relevo ocorre nas montanhas e nas serras, principalmente quando próximas ao litoral. É causada pelo choque do ar oceânico (ar úmido) com uma área montanhosa.

Esquema das chuvas de montanha ou orográficas ou de relevo.

As montanhas atuam como uma barreira no caminho do vento, obrigando-o a subir para a atmosfera. Deslocadas pelo vento e por influência da alta pressão atmosférica no mar, as massas de ar úmidas são obrigadas a subir por causa das vertentes (porções inclinadas das montanhas).

Ao subir, o ar se resfria e o vapor de água se condensa, precipitando-se em forma de chuva sobre as vertentes. É por isso que em geral chove mais nas vertentes voltadas para o mar. O outro lado da barreira montanhosa não é atingido pela chuva, mas pelo ar seco, pois o vento ao chegar lá já perdeu a umidade.

As chuvas orográficas são muito comuns nas vertentes da serra do Mar, nas escarpas que estão de frente para o oceano Atlântico.
É na serra do Mar, numa localidade chamada Itapanhaú (município de Mogi das Cruzes, Estado de São Paulo) que fica o local mais chuvoso do Brasil.

Artigos Recomendados:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem uma história para contar, conte aqui. Se for divertida, não ofensiva nem agressiva poderá ser publicada. Mas se quiser apenas ler, fique à vontade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...