Culto do relacionamento corporal: Evolução histórica.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010


by Roberto Manolio
O culto do relacionamento corporal, entre os antigos, surgiu da necessidade de estimular o crescimento das colheitas. Os antigos selvagens acreditavam que os espíritos geravam as plantações, do mesmo modo que eles próprios geravam as crianças. Assim, para estimular os espíritos tímidos a gerarem grandes colheitas, o selvagem saía para os campos e “ensinava” os espíritos com seu próprio exemplo. Dessa forma, a luxúria e a libidinagem se tornaram na crença do selvagem, um dever religioso. Nas populações mais primitivas, a população inteira ia aos
campos e se entregava à orgia. Com o progresso da civilização, o rito evoluiu e apenas o sacerdote e uma virgem iam
ao templo para executarem a cerimônia libidinosa perante a imagem de seu ídolo.

Uma noção peculiar a respeito desse culto, tinham os antigos hindus. Por detestarem as paixões eles se entregavam a elas. Isso por acreditarem na teoria de que se pode apagar o fogo com o próprio fogo, e para “purificarem” suas almas, se entregavam às lascívias mais contundentes. Acreditavam eles que desse modo cumpriam rigorosamente às exigências do seu deus.

Hoje em dia, com a civilização muito mais evoluída, o culto não mais é religioso ou espiritual, tomou atualmente um caráter mais prático, se dá em função dos seus benefícios. Todos que praticam relações amorosas hoje, não pensam mais nos espíritos ou nos deuses, pensam em si próprios, pensam no que irão lucrar com essas práticas. 
Vamos listar agora alguns dos benefícios do relacionamento corporal, ilustrando assim as razões da teoria atual do culto.

1 – O sexo favorece a produção de endorfina, serotonina e dopamina, substâncias antidepressivas.
2 – A prática ajuda a acabar com a insônia, melhora o humor e fortalece o sistema imunológico.
3 - Melhora a circulação sanguínea, reduz o risco de infarto e derrame, além de ser um excelente exercício para o coração
4 - Favorece a oxigenação de todos os órgãos, alivia dores na coluna e melhora a artrite
5 - Melhora a memória, diminui as dores de cabeça e diminui o estresse.
6 – Faz bem para a pele, pois aumenta os estrógenos, hormônios que facilitam a hidratação e a produção de colágeno natural.
7 - Mexe com os músculos abdominais, massageia o aparelho gastrintestinal e queima celulite
8- Cada ato queima, em média, de 100 a 150 calorias.
9 - Equilibra a produção de hormônio e diminui as cólicas menstruais.
10 – Tonifica os músculos das nádegas e coxas.

Deve ser por tudo isso, que atualmente, o relacionamento corporal não tem recebido o respeito merecido pela maioria das pessoas. O ser humano hoje em dia passou a faze-lo apenas para satisfazer seus desejos, apenas para usufruir de seus benefícios, esquecendo do sentimento principal que deve antecede-lo: o AMOR.

Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem uma história para contar, conte aqui. Se for divertida, não ofensiva nem agressiva poderá ser publicada. Mas se quiser apenas ler, fique à vontade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...