Qual é a realidade dos Vulcões no Brasil?

sábado, 18 de setembro de 2010

Existem vulcões no Brasil? Há evidências de ocorrências ou manifestações vulcânicas no Brasil? Como se formam os vulcões? Você sabia que é do Brasil o vulcão mais antigo descoberto até hoje? Tenha uma noção de quando foram as eras Cenozoica e Mesozoica e de quando ocorre o vulcanismo fissural.


A Realidade dos Vulcões no Brasil.
by Roberto M.
O que podemos falar sobre vulcões no Brasil? Será que existem? Será que já existiram? Será que voltarão a existir?
Apesar de hoje não mais existirem vulcões ativos no país, em épocas geológicas passadas, já houve uma atividade vulcânica muito intensa no Brasil
Há milhões de anos, existiram vulcões desde a Amazônia até Santa Catarina.

Há muitas evidências de manifestações vulcânicas e sub vulcânicas ocorridas ao longo das eras geológicas.
Desde episódios acontecidos em um passado muito distante, até eventos relativamente recentes, geologicamente falando é claro.

Inclusive, é do Brasil o vulcão mais antigo descoberto até hoje. Ele está na região amazônica, próximo ao rio Tapajós e faz parte de uma província de rochas vulcânicas que tem o nome de Uatumã e que abrangia o Amazonas, Pará, Roraima, Mato Grosso e ia até a Venezuela e Suriname. Tem cerca de 1,89 bilhões de anos e sua altura original era cerca de 400 metros.

As atividades vulcânicas mais recentes ocorreram na Era Cenozóica Terciária, quando foram formadas nossas ilhas oceânicas, tais como Trindade, Fernando de Noronha, Penedo de São Pedro e São Paulo.

A Era Cenozóica  se iniciou há 65 milhões de anos e se estende até os dias atuais, é dividida em dois Períodos distintos, o Período Terciário e o Período Quaternário. 
O Período Terciário se estende desde 65 a 1,8 milhões de anos quando surgiram os primeiros ancestrais do homem e o Quaternário, o último Período da escala geológica se iniciou a 1.8 milhões de anos e dura até hoje.
Vista superior do Vulcão extinto no Morro de São João no Rio de Janeiro - Brasil.
Os admiradores do arquipélago de Fernando de Noronha, nem imaginam que as belas paisagens que lá existem hoje, há 12 milhões de anos atrás, era um conjunto de vulcões, cuja base estava a quatro mil metros de profundidade. O vulcanismo intenso fez o magma emergir e formar as ilhas e ilhotas.


Já na Era Mesozóica, que compreende o período entre aproximadamente 250 a 65 milhões de anos atrás e marcou o surgimento dos dinossauros, a atividade vulcânica no Brasil foi muito mais intensa. 
São dessa época as manifestações vulcânicas em Poços de Caldas e Araxá (MG), São Sebastião (SP), Itatiaia e Cabo Frio (RJ) e Lajes (SC).
Na região onde fica a cidade mineira de Poços de Caldas, há 70 milhões de anos atrás, existia um vulcão em grande atividade. A temperatura de 30 ºC das águas da cidade é herança dessa época.

Houve na região Sul um dos maiores derrames basálticos do mundo, desde o Estado de São Paulo até o do Rio Grande do Sul, abrangendo uma área de um milhão de quilômetros quadrados.  Na região de Torres podemos observar as lindíssimas falésias basálticas. No Planalto Meridional originaram-se os férteis solos terra roxa. A Bacia Amazônica também foi afetada por atividades vulcânicas em algumas áreas.


Vista lateral do Vulcão extinto no Morro de São João (Rio de Janeiro - Brasil) com 729 m de altura.
Geralmente, os vulcões se formam em regiões onde há encontro de placas tectônicas. Com a movimentação das placas, parte das rochas se funde, dando origem ao magma, substância viscosa que pode chegar a mais de 1 000 ºC. 

Quando o magma emerge, juntamente com gases do interior da terra, forma-se um vulcão (as paredes do cone,que são  mais resistentes, não se fundem). 
O vulcanismo fissural acontece quando as placas se afastam e abrem caminho para um magma mais líquido e menos violento.

Os vulcões brasileiros aconteceram justamente quando o Brasil estava sobre uma área de encontro de placas tectônicas, há milhões e milhões de anos atrás.
Hoje, o Brasil está bem no centro de uma grande placa tectônica, a Placa Sul Americana.

Estando bem no centro, está bem afastado dos limites da placa e estando bem afastado dos limites, está longe das zonas de encontro das placas tectônicas e é esse o motivo de não haver vulcões ativos atualmente no Brasil.

Artigos Recomendados:

3 comentários:

  1. Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Ingles. Daienne

    ResponderExcluir
  2. Oi Telma querida!
    Essas histórias me fascinam e me deixam sempre curiosa! Sempre quando olho uma grande montanha...rsrs...fico imaginando se lá, bem no fundo, não há um vulcão adormecido! rsrs...Coisas de "neura", como diz meu marido! hahahaha
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderExcluir

Se você tem uma história para contar, conte aqui. Se for divertida, não ofensiva nem agressiva poderá ser publicada. Mas se quiser apenas ler, fique à vontade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...