Qual é a idade da Terra? As eras geológicas.

terça-feira, 5 de julho de 2011


Era arqueozóica, proterozóica, paleozóica, mesozóica e cenozóica, eras da Terra, história do planeta Terra
by Roberto M.
A divisão da idade da terra em eras geológicas. O que aconteceu em cada época.
A idade da terra é muito grande, ela ultrapassa, em muito, todos os tipos de calendário que conhecemos e que poderíamos usar para medi-la.
São as rochas que, sendo diferentes de acordo com a idade que têm, contam-nos a história da evolução da idade da terra.

Baseados na história que as rochas nos contam, e também nos fósseis que elas encerram, os geólogos, com seus estudos especializados, dividiram a idade da terra em cinco grandes épocas.

A mais antiga formação rochosa é atribuída à Idade Arqueozóica (idade do começo da vida). Foi o tempo em que a vida apareceu sobre a terra. A estimativa de duração dessa era é de cerca de um bilhão e quinhentos milhões de anos.

Logo após vem a Idade Proterozóica (a idade da vida primitiva). Foi o tempo em que a vida começou a evoluir, mas as plantas e os animais eram ainda muito frágeis, a ponto de não deixarem restos fósseis reconhecíveis. Foi uma era de grandes erupções vulcânicas, e de enormes geleiras cobrindo a maior parte da terra. Durou, também, cerca de um bilhão e quinhentos milhões de anos.

Em seguida veio a Idade Paleozóica (a idade antiga da vida). Nesse tempo, a vida sobre a terra era abundante. No início havia apenas minúsculas espécies invertebradas; depois vieram os primeiros peixes e logo após surgiram as primeiras formas superiores de vida, os grandes répteis vertebrados. Foi durante essa era que se formou a cordilheira dos Apalaches (cordilheira da América do Norte que se estende da Terra Nova e Labrador, no Canadá, ao estado do Alabama, no sudeste dos Estados Unidos da América, sendo que sua parte mais setentrional acaba na península de Gaspé, do Quebec.) e extensos depósitos de carvão formaram-se na terra. Da mesma maneira que as eras anteriores, a Idade Paleozóica também durou muito; cerca de quatrocentos milhões de anos.

Na seqüência chegamos à Idade Mesozóica (a idade média da vida). É o período de transição entre a vida antiga e a moderna. Surgem os primeiros dinossauros e os primeiros pássaros. É no final dessa era que surgem as Montanhas Rochosas (importante cordilheira localizada na América do Norte ocidental, prolonga-se por mais de 4.800 quilômetros a partir da parte norte da Columbia Britânica, no oeste do Canadá, até o Novo México, no sudoeste dos Estados Unidos.) e os Andes (uma vasta cadeia montanhosa formada por um sistema contínuo de montanhas ao longo da costa ocidental da América do Sul). A duração da Idade Mesozóica é estimada pelos geólogos em cerca de cento e setenta milhões de anos.

Chegou então, a Idade Cenozóica (a idade da vida recente). No início dessa era os Apalaches adquirem sua forma atual, mas as Montanhas Rochosas continuam, a erguer-se acima das águas. Aparecem os primeiros mamíferos, e nas planícies passeiam uma horda de animais com formas bastante parecidas com as atuais: o elefante, o cavalo, o tigre de dentes de sabre. É nesse tempo que surge o homem (o pithecantrophus erectus é encontrado em depósitos, em Java). Aproxima-se o último grande Período Glacial, metade do que é hoje os Estados Unidos da América estava coberto pela Grande Geleira, que destruiu muitas das formas de vida inadaptadas e deixou o Homem, praticamente, com as mesmas espécies que o acompanham até hoje. Esse período glaciário ainda não passou completamente; uma área muito grande da terra ainda está debaixo de um lençol de neve e de gelo. A estimativa dos geólogos para a duração da Idade Cenozóica é de cerca de sessenta milhões de anos.

Ao somarmos tudo isso, desde o tempo das mais remotas rochas conhecidas até hoje, sabemos que o número não representa a idade toda da terra, mas pode nos indicar uma estimativa aproximada.

Não estaremos errados se dissermos que a terra tem pelo menos três bilhões e setecentos milhões de anos de idade (3.700.000.000).
Bibliografia: Thomas, Henry - As Maravilhas do conhecimento Humano - Editora Globo


Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem uma história para contar, conte aqui. Se for divertida, não ofensiva nem agressiva poderá ser publicada. Mas se quiser apenas ler, fique à vontade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...