A origem do boicote. Quem inventou o ato de boicotar.

sexta-feira, 15 de abril de 2011


by Gabriel M.
O que é boicote? De onde veio o termo boicote? Como surgiu? Quem fez o primeiro boicote?
“Estudantes boicotam Enade em São Paulo”
“Grupo islâmico propõe boicote a produtos norte-americanos”
Manchetes desse tipo são vistas frequentemente na imprensa. Mas, afinal, o que é boicote?
No dicionário Priberam da Língua Portuguesa, o termo “boicote” é definido como “cessação voluntária de todas as relações com um indivíduo, uma empresa ou uma nação.”

O termo “boicotar” é definido no Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa como “1. Punir, constranger (pessoa, classe, estabelecimento, país), geralmente em represália, recusando sistematicamente relações sociais ou comerciais. 2. Criar embaraços aos negócios ou interesses de.”

O termo boicote pode ser definido como “colocar em ostracismo”, ou seja, isolar ou excluir alguém, provocando seu afastamento (imposto ou voluntário) de suas funções ou de um grupo.

A origem do termo “boicote” provém do inglês, da palavra “boycott”, que originalmente era sobrenome de família.

O distinto cidadão inglês Charles Boycott era um administrador de terras na Irlanda. Ele era responsável por cultivar as terras de um latifundiário local e cobrar impostos dos camponeses, seus empregados.

Mas, Charles não era considerado um cara “bonzinho” pelos trabalhadores. Ele recusou um pedido de redução de aluguel e ainda começou a despejar os camponeses.
Estes, irritados, resolveram se unir, não mais trabalhar para ele e isolá-lo da comunidade – ninguém falava com ele, ninguém chegava perto, ninguém lhe vendia nada.

O governo até tentou ajudar, mas Boycott viu-se obrigado a ir embora daquele lugar.
Esse foi o primeiro Boycott a ficar famoso e o primeiro boicote a ser registrado, sendo literalmente o boicote a Boycott.
Fonte: LUFT, Celso Pedro. O romance das palavras. São Paulo. Ática, 1996.

Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem uma história para contar, conte aqui. Se for divertida, não ofensiva nem agressiva poderá ser publicada. Mas se quiser apenas ler, fique à vontade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...